» HISTÓRICO

O QUE É O SIPS

 

O Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos do Estado do Rio Grande do Sul é a entidade representativa que congrega toda a cadeia produtiva da suinocultura gaúcha, desde produtores,  abatedores e criadores, até fornecedores e  prestadores de serviço.

 

Sua principal estratégia é resgatar para o Estado o destaque de segundo maior produtor de carne suína do Brasil e consolidar o desempenho dos últimos anos, de maior exportador do produto.

 

Da mesma forma, quer mostrar a organização e avanço tecnológico, além da  excelência na qualidade e aplicação na área de sanidade. produtivas da agroindústria de suínos e a  Para o SIPS, a retomada por parte das cadeias organização do sistema de produção é uma vocação muito consolidada em algumas regiões,  principalmente no norte gaúcho. 

 

O Estado possui 20 plantas ativas na agroindústria de suínos e enfrenta o desafio de se manter como um dos grandes produtores nacionais no segmento. Em geral, em 20% das pequenas propriedades rurais a produção se divide entre aves e suínos, suínos ou gado de leite.

 

O papel do SIPS tem sido orientar na busca de melhorias, com absorção de tecnologia e informação, como forma de obter escala de produção e maior rentabilidade. 

 

VALORES

 

Missão

 

Representar o setor agroindustrial de produtos suínos nas diversas demandas setoriais, fortalecer e enaltecer a produção suinícola, mostrando aos mercados a excelência em qualidade da carne suína gaúcha.

Objetivos

 

• Fortalecer e enaltecer a suinocultura gaúcha
• Atender aos interesses dos associados em demandas setoriais
• Representar os associados junto aos órgãos oficiais e instituições privadas
• Comunicar ao consumidor a excelência da qualidade da carne suína gaúcha
• Dar dinamismo à cadeia da suinocultura
• Identificar os gargalos do setor e desenvolver ações para superá-los
• Facilitar, mobilizar e sensibilizar a cadeia suinícola na busca de padrões de qualidade.

Nome

E-mail

Mensagem